Diocese de Viana do Castelo •

Igreja Católica no Alto Minho

O ALTO MINHO E OS VALES*


O Distrito de Viana do Castelo estende-se por uma área de 2 210 km2, o Vale do Minho, a norte, ocupando 43% e o Vale do Lima, a sul, os restantes 57%.
Este espaço é constituído por 10 concelhos com uma população total de 250 275 habitantes, distribuída pelos dois vales, cada uma com a sua associação de municípios: - a do Vale do Minho, com seis municípios e 79 631 habitantes - a do Vale do Lima, com quatro municípios e 170 644 habitantes.
Desde 06 de Maio de 2010 que a CIM, Comunidade Inter Municipal do Alto Minho veio agrupar os dez concelhos. A população do Distrito distribui-se sobretudo no Vale do Lima, dois terços do total, com um peso de 68% e os restantes 32% no Vale do Minho, isto é pouco menos de um terço dos alto-minhotos.

No Distrito existem 290 freguesias, sendo que o maior número situa-se nos quatro concelhos do Vale do Rio Lima (58% - 167 freguesias) e as restantes no Vale do Rio Minho (42% - 123 freguesias).
As receitas municipais (com referência ao ano 2000) cifram-se em pouco mais de 139 milhões de Euro (28 milhões de contos), sendo 61% dos municípios do Vale do Lima e 39% dos do Vale do Minho.

Captura de ecrã - 2011-02-10, 17.18.49
Em termos comparativos, e agora dentro de cada conjunto de concelhos, distribuídos estes pelos respectivos vales, surgem algumas discrepâncias que permitem avaliar a dimensão efectiva de cada um, isto em função da área, do número de freguesias, da população residente em 2001, da sua ponderação, do número de deputados eleitos directamente em cada assembleia municipal, da ponderação proporcional; enfim das receitas municipais e da respectiva ponderação concelhia. Podemos apurar os desvios verificáveis.

O VALE DO MINHO, para iniciar pelo Norte do Distrito, é constituído por 6 Concelhos (Caminha, Melgaço, Monção, Paredes de Coura, Valença e Vila Nova de Cerveira) e 123 Freguesias. Monção com as suas 33 freguesias representa 27% deste total, seguido por Paredes de Coura (18%) e Caminha (16%), para citar apenas os três primeiros.
No que respeita às receitas municipais, a ordem decrescente seria Monção, Caminha e Valença, para os três primeiros lugares. Em síntese, os Concelhos do Vale do Minho apresentam ligeiras alterações de ordenamento, quer se trate de uma categoria de dados, quer de outra mas com ligeiras diferenciações entre si, no que à ordem dos três primeiros se refere.
Captura de ecrã - 2011-02-10, 17.18.59

O VALE DO LIMA é constituído por 4 Concelhos, Arcos de Valdevez, Ponte da Barca, Ponte de Lima e Viana do Castelo. Arcos de Valdevez (35%) ocupa a maior área, seguido de Ponte de Lima (25 %) e Viana do Castelo (25%), para citar os três primeiros. As 167 Freguesias deste Vale, distribuem-se pelos concelhos de Arcos de Valdevez e Ponte de Lima (31% cada) Viana do Castelo (24%) e Ponte da Barca (15%). Em termos populacionais, a ordem dos Municípios será a seguinte: Viana do Castelo (52%), Ponte de Lima (26%) e Arcos de Valdevez (15%). No que respeita às receitas municipais, a ordem decrescente seria Viana do Castelo, Ponte de Lima, Arcos de Valdevez, para referir apenas aos três primeiros.

Captura de ecrã - 2011-02-10, 17.19.07

Os Concelhos do Vale do Lima apresentam igualmente algumas diferenciações entre si, mais pronunciadas aliás do que as apresentadas nos municípios do Vale do Minho, no que respeita, por exemplo, à população e receitas camarárias. Os índices relativos à área, número de freguesias e número de deputados municipais apresentam diferenças menores do que as verificadas nos concelhos a norte do Distrito. Agora sim, podemos procurar estabelecer, com as devidas reservas, uma comparação entre os diversos concelhos do Distrito de Viana do Castelo, sem considerar a separação pelos Vales. Os dados são apresentados no quadro junto.
Captura de ecrã - 2011-02-10, 17.19.14

Em síntese, a nível do Distrito, Arcos de Valdevez tem a maior área territorial, disputa o mesmo número de freguesias com Ponte de Lima, colocando-se estes dois concelhos nos dois primeiros lugares do ranking aqui estabelecido.

Em terceira posição surge Viana do Castelo, devido ao peso da sua população e ao volume de receitas arrecadadas.

O quarto lugar deste palmares é ocupado pelo Município de Monção pelas características que este apresenta no cômputo dos dez concelhos.

O desvio é bastante elevado (5,2) significando a grande disparidade entre os valores extremos do alto e do fundo da escala, de um para cinco. Uma heterogeneidade aguda a contrastar com a menor diferença entre os municípios integrados nos vales. Há alguns anos, questionava se os municípios deviam ou não comprometer-se em uma via integracionista ou separatista e aguardar uma evolução mais positiva que os aproxime mais.

As disparidades intermunicipais podem ser um entrave ao desenvolvimento sustentado mas podem também fomentar uma maior aceleração na integração económica social e humana de toda esta área.

Tudo dependendo dos projectos de desenvolvimento que estejam em cima da mesa da Comunidade Inter Municipal, uma avaliação que pode iniciar-se.
Viana, 9 de Fevereiro 2011
*Arnaldo Ribeiro